Início > Notícias e política > Premio Nobel: LUIZ INACIO LULA DA SILVA

Premio Nobel: LUIZ INACIO LULA DA SILVA

Lula é um dos indicados ao Prêmio Nobel da Paz

Informação divulgada pela agência EFE aumenta a expectativa para que o presidente seja o primeiro brasileiro a ser homenageado pelo Prêmio

Por Leandro Rodrigues, com informações do Correio do Brasil
Terça-feira, 21 de setembro de 2010

Segundo apuração do jornal Correio do Brasil, o presidente Luis Inácio Lula da Silva está entre os candidatos ao Prêmio Nobel da Paz. A informação foi confirmada pelo diretor do Instituto Internacional para a Investigação da Paz, o norueguês Stein Tonnesson, à agência de notícias internacionais EFE. Na última sexta-feira (17), o diretor do Instituto Nobel, Geir Lundestad, informou que há 165 personalidades e instituições propostas para o prêmio e a divulgação dos premiados ocorre no próximo mês.

Em fevereiro, o jornal francês Le Monde já havia antecipado a indicação de Lula ao Prêmio, porém, tradicionalmente, o Instituto evita divulgar a lista de candidatos. Na ocasião, Tonnesson afirmou ao periódico que a vitória de um político sul-americano que luta contra as desigualdades sociais é muito provável, “principalmente se esse político for o presidente Luiz Inácio Lula da Silva”. O diretor disse ainda que o membro do Comitê Nobel da Paz, Berge Furre, é um grande admirador do presidente brasileiro.

Outra fonte citada pela EFE foi o cineasta Oliver Stone, duas vezes vencedor do Oscar por “Platoon” (1986) e “Nascido em 4 de Julho” (1989), além de reconhecido por produções recentes como “Alexandre” e “As torres gêmeas”. Stone também é admirador do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e torce para que o líder brasileiro ganhe o prêmio Nobel da Paz pelo acordo assinado no último dia 17 entre Brasil, Turquia e Irã, que estabelece o enriquecimento de urânio iraniano fora do território do país.

“Lula tem uma grande liderança. Caso ele consiga êxito no resultado do acordo, certamente será indicado ao Prêmio Nobel da Paz”, previu o cineasta. O acordo não é bem recebido pelos Estados Unidos, que liderou a quarta rodada de sanções do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) contra o governo do presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad. As relações entre Brasil e EUA foram brevemente afetadas pelo episódio e a secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, chegou a dizer que o acordo torna o mundo mais perigoso.

Stone comenta que “o acordo está desafiando toda a dinâmica de poder [internacional]”. Ele afirmou ainda que o fato de o Brasil contrariar a política dos EUA é um exemplo das profundas transformações que os governos de esquerda trouxeram à região: “Existem consequências para o mundo inteiro pelo fato do continente estar se tornando mais independente”.

 

FHC e CIA. Vão se matar de inveja!!!

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: